NIETZSCH PARA ESTRESSADOS DE ALLAN PERCY - PARTE 56 E 57


56 – Quem não dispõe de dois terços do dia é um escravo

Workaholics são as pessoas que deixam o trabalho absorver toda sua vida pessoal. Talvez pelo fato de esse comportamento ser um transtorno reconhecido há pouco tempo, praticamente não existem tratamentos terapêuticos para ele.
O viciado em trabalho sofre com altos níveis de estresse, pois acha que nunca dedica horas sufi cientes à sua atividade profissional, o que acaba provocando danos à saúde, bem como à vida pessoal e familiar.
E nem sempre esse tipo de conduta se traduz em um rendimento maior e melhor. Segundo Gayle Porter, especialista no assunto, o workaholic pode ser prejudicial a uma empresa, pois costuma dedicar muito tempo a tarefas irrelevantes. Estatísticas revelam que esse tipo de pessoa não produz mais que um trabalhador normal: simplesmente esquenta sua cadeira por mais horas.
Já que nossa civilização oferece tantas opções de atividades culturais para o tempo livre, vale a pena seguir o modelo clássico: 8 horas para trabalhar, 8 horas para dormir e 8 horas para o lazer. 

57 – O melhor meio de ajudar pessoas muito confusas e deixá-las mais tranquilas é elogiá-las de forma veemente

Do método Dale Carnegie para fazer amigos (e influenciar pessoas):
• É inútil criticar alguém, já que ele inevitavelmente se colocará na defensiva e tentará se justificar. Além disso, ficará ressentido com você.
• Conseguimos resultados muito melhores nas relações sociais ao elogiar de forma inteligente em vez de censurar.
• É muito mais proveitoso e seguro corrigir a si mesmo do que tentar fazer com que os outros se corrijam.
• As pessoas mais populares são as que deixam seus interlocutores falarem e se interessam sinceramente por seus problemas.
• Em vez de censurar os outros, é mais útil entendê-los e procurar saber por que se comportam de certa maneira.
• Você fará mais amigos em dois meses interessando-se pelas pessoas do que em dois anos tentando fazer com que elas se interessem por você.
• Qualquer idiota é capaz de criticar, condenar e se queixar, e a maioria faz isso muito bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário